Greice Brigido: Apresentando-lhes o Jack

06 janeiro 2014

Apresentando-lhes o Jack

Ola, boa segunda-feira a todos!!!!

Estava louca para vir aqui lhes apresentar meu mais novo grande amor, meu cachorrinho Jack.
Eu e o Xande sempre fomos apaixonados por cachorros mas, morando em apartamento não tínhamos força (de vontade) o suficiente para termos um cachorro.
Mas, neste fim de ano fomos abençoados e ganhamos um filhote de pug. Desde que ganhamos já começamos a pesquisar e descobrir sobre esse cãozinho.
Nos apaixonamos por ele assim que o vimos. Foi engraçado pois meu marido falava: nada de chamar de filho, pai, mãe e nada de ficar em cima da cama. E ele, foi o primeiro no carro quando estávamos indo pra casa que falou: ahhh filho você vai conhecer sua nova casa!!! Fiquei mais apaixonada ainda!!!
Ganhamos ele um dia após a nossa mudança então, o coitadinho pegou toda a arrumação da casa.
Estávamos um pouco aflitos pois geralmente cães assim novinhos choram e reclamam com falta da mãe mas, o Jack não chorou, não reclamou, só ficou ali quietinho deitadinho.

No primeiro dia, quietinho. Estranhou a casa mas não chorou. Comia ração moída com leite.

No segundo dia, começou a brincar com coisas próximas a ele.

No terceiro dia, teve a primeira crise de tosse, pugs tem bastante problemas respiratórios. Ficamos desesperados. Como estávamos limpando e arrumando a casa da mudança ele pegou bastante pó. Mas, no terceiro dia  também começou a me lamber e  me morder, brincando.

No quarto dia ele já vivia atrás da gente, por onde andávamos ele seguia. O papai montando o guarda-roupas e ele ali esperando.

No quinto dia ganhou um ossinho e não largou mais. Amou!! Sua crise de tosse continuava forte e consecutiva. Aprendemos a fazer massagem no pescoço e ajudar a sua respiração.

No sexto dia, vivia correndo e brincando pela casa toda. Eu ia procura-lo e ele estava ali mordendo e brincando com algo que encontrou.

No sétimo dia, mamãe e papai fizeram uma casinha pra ele, que amou muito e não saiu mais dali.

Ganhamos ele com 45 dias, hoje já esta com mais de 2 meses. Super forte e esperto. Ele sofre da crise de tosse consecutivamente, está com pulgas (já veio na verdade) e com problema de pele. Essa raça precisa de cuidados diários. Mas, amamos tanto ele que não é sofrimento nenhum cuidar a amar.

Vou fazer um post sobre os problemas de saúde que ele tem. Apesar de lermos muita coisa na internet e tudo nos ajuda bastante, nada é comparado ao que passamos. Pois, cada cãozinho é diferente em algumas coisas.



Ele não é uma fofura?

beijos e até breve.

4 comentários:

  1. Que fofinho! Minha vizinha tem um pug, o nome dele é Peperoni. A única coisa que ela reclama - assim como eu - é que o Pépe solta muito pelo.
    Cachorro é tudo de bom, alegra nossa vida.
    Seja bem-vindo Jack.
    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é verdade amiga, o Jack também já solta bastante pelo.... beijos

      Excluir
  2. Gente que coisa mais llinda seu filhinho *--* Realmente essa raça precisa de cuidados especiais, mas todo esforço vale a pena pelo amigãozinho ;)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Ai Greice... que "coisinha" mais lindaaaa e fofaaaa o Jack. Me apaixonei.
    Bjosss querida e seja feliz no seu novo Lar.
    Kerlei

    ResponderExcluir

Fico muito feliz com sua visita e agradeço de coração.
Não esqueça de deixar o link do seu blog, faço questão de retribuir sua visita.
beijos

LAYOUT E PROGRAMAÇÃO POR SHAIRA FOTO E DESIGN
imagem-logo